CUIDADOS COM O ARMAZENAMENTO DE MEDICAMENTOS

Altas temperaturas podem transformar o principio ativo do medicamento em outras substâncias que podem ser tóxicas ao organismo, ou inativar suas propriedades terapêuticas.
11 Janeiro 2019

Os medicamentos devem ser mantidos afastados do alcance de crianças, em local seco, livres de pó, mofo e afastados das paredes. Um bom local de armazenamento seria dentro do armário ou em gavetas nos quartos. Devem ficar isolados de cosméticos, produtos de limpeza e perfumaria. A maioria dos medicamentos é sensível à luz, portanto, conserve-os sempre na sua embalagem original, que foi testada para proteção do produto. A embalagem é importante também para verificação da data da validade do medicamento e o lote, caso haja algum problema com o medicamento e para que não haja risco de medicamentos diferentes serem misturados.


A alta umidade é um dos fatores que mais deterioram os medicamentos. Mesmos xaropes e outras preparações líquidas devem ser protegidas da umidade, por esse motivo, o banheiro é um local que deve ser evitado para o armazenamento de medicamentos; além de sofrer também altas variações de temperaturas. O calor é outro grande fator que interfere na qualidade do medicamento. Altas temperaturas podem transformar o princípio ativo do medicamento em outras substâncias que podem ser tóxicas ao organismo, ou inativar suas propriedades terapêuticas. A cozinha também é um ambiente onde a temperatura se eleva bastante, e também não é recomendada para armazenar medicamentos. Um local onde nunca devem ser deixados é dentro do carro, principalmente no sol, onde a temperatura pode elevar-se extremamente. 
Vários medicamentos requerem condições especiais de conservação e transporte e alguns deve ser armazenado em geladeira. Leia atentamente na embalagem externa as condições indicadas de temperatura e armazenagem respeitando-as sempre.

Um risco de se manter medicamentos armazenados é que eles podem vencer e por isso não produzir efeito desejado ou dar origem a substâncias tóxicas prejudiciais. Os efeitos dessa intoxicação são, às vezes, tão graves que podem levar à morte. Portanto, só devem ser usados medicamentos que estejam dentro do prazo de validade. Deve-se também, ficar atento ao aspecto físico de um medicamento mesmo dentro do prazo de validade. Se alguns deles apresentam coloração estranha, não o tome sem procurar um farmacêutico para orientá-lo.


Medicamentos vencidos, não devem ser jogados no lixo ou no esgoto e se queimados, podem liberar substâncias tóxicas no ar junto com a fumaça. Se alguém respirar essa fumaça, certamente será contaminado e poderá ficar com dificuldade respiratória e intoxicar-se. Caso tenha algum medicamento vencido, basta entregá-lo na Vigilância Sanitária Municipal, ou em alguma drogaria para serem descartados corretamente por empresas especializadas.

Autor: João Carlos Pimentel

MAIS POSTAGENS
COMPARTILHAR Share on Google+

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por AdaptWeb

Entre em contato pelo Whatsapp

(35) 9 9986-1861